Paciência – Lenine

Dudu Falcão um dia escreveu e Lenine cantou:

Paciência

Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma.
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma.
A vida não pára…
Enquanto o tempo acelera e pede pressa.
Eu me recuso, faço hora. Vou na valsa.
A vida é tão rara…

Enquanto todo mundo espera a cura do mal.
E a loucura finge que isso tudo é normal.
Eu finjo ter paciência…

O mundo vai girando cada vez mais veloz.
A gente espera do mundo e ele espera de nós.
Um pouco mais de paciência…

Será que é tempo que lhe falta pra perceber?
Será que temos este tempo pra perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara. Tão rara…

A vida não pára…
A vida não pára não…

Agora eu te pergunto: Será que temos este tempo pra perder? A vida é tão rara. A vida não pára.

By |2016-11-12T15:02:23+00:00sáb, 10/03/12 - 00:00|Música|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment